pregnant-women-395151_960_720

Acho que não vou conseguir…

Acho que não vou conseguir…

Você já pensou ou falou esta frase?

É muito provável que sim, mas tenho a certeza que pelo menos uma vez em sua vida você já ouviu isto.

Não sou capaz, isto é muito prá mim, sempre serei pobre, e muitas outras frasem surgem quase que instantaneamente durante nosso dia.

Pois é, de onde vem estes pensamentos? Como eles são gerados? Quando foram criados?

De onde vem nossos pensamentos?

Em minha opinião existem só duas formas deles acontecerem: Ou vem de nossos pensamentos ou de alguém nos influenciando.

Quando eles vêm dos nossos pensamentos precisamos olhar um pouco para nossa infância. Como fomos criados? Quais os pensamentos da mãe, do pai, ou de quem mais passava o tempo conosco?

Somos programados desde que somos concebidos pelos nossos pais. Se você acredita em vidas passadas pode até estar pensando que pode vir de muito antes, mas vamos focar nesta vida.

O que pode acontecer dentro da barriga da mamãe?

Normalmente o início de uma união é um ritual de passagem, coisas novas e desconhecidas passam a acontecer. Quando as coisas são planejadas já é complexa a alteração do ritmo de vida, quando não, fica quase uma aventura, sujeita a chuvas, trovoadas, tufões e tempestades.

Imagine um filho chegando na vida de um casal. Imagine este casal não ter planejado isto e de repente descobre. Agora, tempere com dívidas, desemprego, incertezas econômicas do país e o que mais quiser imaginar.

Como acha que a mãe deve estar se sentindo? Será que o bebê sente? Diversas pesquisas revelam que os bebês sentem as emoções, o stress, o amor, o medo e tudo o que a mamãe vivencia.

É possivel acessar as memórias da fase intrauterina?

No consultório, diante de tantas regressões feitas, sou testemunha de como os sentimentos da mãe, também do pai e do ambiente, são transmitidas e programadas na mente daquele bebê.

Culpas, sentimento de rejeição e medos são sentimentos comuns detectados durante a regressão no período intrauterino.

Uma boa forma de saber se estes sentimentos podem ter sido gerados na gestação é conversar com sua mãe. Perguntar a ela como foi a gestação, no que ela pensava, se tinha medo do futuro. Se havia brigas do casal, enfim, como foi este período para ela.

Logicamente que nosso desenvolvimento na infância também vai impactar em nossa vida, então a vida intrauterina é só um estágio e nele tudo pode ter acontecido em harmonia.

A terapia regressiva tem como objetivo principal a compreensão dos males que nos tornam infelizes ou nos atrapalham a atingir nossos objetivos.

Mas e se a causa for externa, de outras pessoas? Como isto vai funcionar?

Sei que posso ser influenciado por pessoas, mas é possível também receber influências espirituais e de pensamentos?

Este assunto deixarei para um outro artigo, mas adianto que nunca imaginei que isto seria possível, até que…

Murillo Cucatto

tuneldotempo

A Importância do Passado em sua Vida

O Tempo Voa…

Dizem que devemos esquecer o passado, o que importa é o momento presente. Será?  Você consegue se imaginar nascendo com a idade que tem hoje? Sem passar pelas experiências dá infância, da adolescência, até os dias de hoje?

Como seria 2017 se 2016 não existisse?

Nosso passado é rico. Nosso conhecimentos aconteceram no passado e o que aprendemos agora amanhã será passado.

Então valorize o seu passado.

Experiências boas e não tanto fizeram de você o que é hoje, mas com a velocidade do presente acabamos não nos conectando com nosso passado e deixamos de nos conhecer a cada dia.
Conhecer o passado a fundo traz libertação, autoconhecimento.

A Regressão pode te ajudar ampliando seus recursos e te libertando de passados não resolvidos.

Permita-se!

cl_44058

Como Fazer Auto Regressão em 5 Passos

Auto Regressão em 5 Passos

Afinal, o que é Auto Regressão?

A hipnose é o processo onde alguém é hipnotizado por uma pessoa, analogamente, a auto hipnose é quando a própria pessoa se conduz em uma indução hipnótica.

A regressão é um processo terapêutico que tem como objetivo encontrar as causas de um problema através de acesso e ressignificação de memórias através de um estado de transe.

Então, a Auto Regressão é um processo terapêutico onde a própria pessoa se induz a um transe e explora as causas de seus problemas em seu passado.

Em outubro de 2015 eu estive no 5º Congresso Nacional de Terapia Regressiva, em Salvador.

Durante a mesa redonda uma participante fez uma pergunta sobre o que os componentes da mesa achavam sobre o assunto.

Foi uma polêmica geral e abaixo te conto o que expus perante todos. Comentavam sobre riscos possíveis que envolviam o processo e outras coisas mais.

Naquele mesmo ano, no mês de março, um dos alunos de meu Curso de Regressão e que é da área de TI me disse que como não tinha pacientes nem pessoas para praticar escolheu fazer em si próprio e que estava obtendo ótimos resultados.

O fato é que na mesma semana, sem que eu pedisse, mais dois pacientes comentaram ter passado pela mesma experiência.

Eu relatei isto no congresso. Não o que eu achava ou pensava que poderia acontecer, e sim as experiências e resultados que estava obtendo com este processo.

Desde então ensino a muitos pacientes este processo, o que contribui enormemente os resultados terapêuticos, além de entregar mais uma ferramenta ao paciente.

Os 5 Passos são:

  1. Estabeleça um objetivo a ser trabalhado
  2. Entre em Estado Ampliado de Consciência através da autohipnose
  3. Crie um local seguro para relaxar, se reprogramar e como recuperador de energia
  4. Busque no passado e ressignifique a situação em que aquela sensação aconteceu pela primeira vez
  5. Retorne ao presente com os fatos resignificados e inclua sugestões de voltar muito bem, muito leve, tranquila e acordada.

Apesar de ser um processo simples, não é tão fácil e se faz necessário instruções de segurança de como proceder em diversas situações. O que inclui técnicas de PNL e reprogramação mental.

Converse com o seu terapeuta de confiança. Peça que ele te ensine como você pode acessar e ressignificar os fatos que influenciam seu presente através da Auto-Regressão.

vida

A Fonte dos Desejos….

A Fonte dos Desejos e Felicidade está Dentro de Você!

Quando uma pessoa chega ao meu consultório, por vezes sem saber o que sente e o que deseja, logo vai dizendo:

 

  • Não quero ter depressão
  • Não quero ser ansiosa
  • Não quero ficar mais doente
  • Não quero sentir dores

 

Enfim, é uma série de “não quero”, então eu comento que estas frases significam o que elas não querem.

O querer vai muito além do “não querer”. É mais complexo, é mais sábio. É o nosso Norte.

Saber o que queremos pode ser a diferença entre sermos ou não felizes. É conecer nossos desejos para poder acessar a fonte de profunda abundância.

Por vezes, ao longo do Programa, além dos objetivos principais começarem a ter resultado, as coisas começam a melhorar em suas vidas. Aquilo que não fluía, começa a fluir. As oportunidades que não apareciam começam a surgir. Os amores aparecem sem que se precise procurar.

Isto é milagre? É fruto da hipnose ou da regressão?

Sim e não.

Sim, porque todo o processo que leva ao autoconhecimento faz com que as energias físicas, mentais e espirituais se alinhem e com isto o Universo passa a nos presentear com o que atraímos. Afinal, energia boa atrai energia boa. Isto faz sentido para você?

E não porque é apenas um processo e como todo processo necessita permissão e coração aberto. Então é fundamental a participação da pessoa por inteiro. Assim tudo passa a ser possível.

Afinal, o que é felicidade para você? O que você realmente deseja?

Quer participar de um Programa de Regressão TransGenerativa? Saiba Como

Você ajuda pessoas ou quer se tornar um terapeuta? Aprenda as Técnicas de Regressão TransGenerativa – Quero Aprender Agora!

terapia-cognitivo-comportamental

Você sabe como funciona uma Terapia de Regressão?

Uma Sessão de Terapia de Hipnose e Regressão

Muita gente tem curiosidade em saber como realmente funciona um processo terapêutico de regressão.

Diferente de uma simples regressão, um programa personalizado requer entendimentos sistêmicos de um sintoma ou objetivo a ser atingido.

Tudo começa com uma consulta inicial, para entendimento de qual é o estado atual e do estado desejado.

Dependendo do histórico e dos objetivos poderei saber quais estratégias e abordagens iniciais a serem utilizadas. Além do objetivo faz-se necessário entender a sensibilidade da paciente ao processo proposto.

As resistências inconscientes estão relacionadas também ao índice de racionalidade, ansiedade e expectativas sobre o processo.

Todo este contexto permite definir uma quantidade estimada de sessões, considerando as técnicas relevantes, o que denomino Programa Personalizado.

Já o Programa se baseia em uma estratégia de busca sistêmica de causas que possam estar bloqueando o atingimento do estado desejado.

O que muitos chamariam de crenças limitantes em alguns casos.

Então quando alguém me pergunta quanto custa fazer uma regressão sou obrigado a fazer outra pergunta: Você quer fazer regressão ou resolver alguma situação em sua vida?

Não faça somente uma Regressão, comprometa-se com um programa que seja profundo e realmente te ajude a entender sistemicamente o que acontece com você e assim poderá atingir os seus objetivos de forma mais duradoura.

Entendo que por por conviver com os sintomas há anos, a pessoa queira se libertar imediatamente. O conselho que dou é de fugir de milagres ou curas milagrosas.

Procure um profissional habilitado e de confiança para que juntos se possa atingir os resultados esperados.

Um Fraterno Abraço,

Murillo Cucatto

consulta

Terapia Regressiva – Entrevista

As dúvidas sobre a Terapia de Regressão são muito comuns. Mitos e pré-conceitos impedem muitas pessoas de se libertar de situações que a impedem de ser felizes.

No Programa Sempre Bonita, na TV Transamérica de Curitiba, o Psicoterapeuta Murillo Cucatto responde as perguntas da apresentadora Carol Valle.

Saiba mais sobre Regressão, quem deve fazer, quais os efeitos e no que pode auxiliar as pessoas.

 

vida

Olá,tenho 40 anos e não consigo…

Hoje resolvi compartilhar com você um dos muitos emails que recebo sobre o mesmo assunto: “Não consigo ser Feliz em nenhum sentido da vida”.

olá,tenho 40 anos e não consigo ser feliz em nenhum sentido da vida,quero poder buscar lá atrás algo que fiz, poder reparar se houver algum erro e ser feliz.gostaria de saber quanto custa a sessão de regressão,quantas precisam. grata!”

Logicamente, me reservo o direito de não informar o contato da pessoa que me enviou.

Compartilho por que há uma frase aqui que além de me chamar a atenção é real e facilmente verificável no consultório. “Quero poder buscar lá atrás algo que fiz, poder reparar se houver algum erro”.

Aqui está a resposta a muitas pessoas que me perguntam: Porque fazer Regressão? Não vou ficar pior do que já estou?

A verdade é que o que somos hoje representa sim nossas experiências do passado. Infelizmente os sentimentos de culpa, ódio, rancor, e tantos outros, insistem em permanecer no aqui e agora.

É muito fácil para alguém que está bem dizer: “não fique se lamentando, isso passa”, ou então, “viva o momento presente, o passado já passou”.

São sim frases verdadeiras e nada tem de errado com elas, somente o fato de que são expressões de nossa mente racional. E quando não conseguimos deixar o passado de lado isto trata-se de nosso lado emocional.

É racional um homem de 1,90m subir na cadeira ao ver uma barata? E por que razão algo toma conta do seu emocional e ele não consegue se controlar?

É por estas razões que a terapia de regressão, aliada à técnicas de hipnose e PNL são eficazes, pois agem na raiz do problema e não na superfície ou de forma simplesmente racional.

Quantas sessões você diria que são necessárias a um caso como este? Podem ser anos e anos, utilizando medicação, fazendo mil tipos de terapia, enfim, quantas causas podem existir para uma situação desta?

Será que ressignificar toda uma vida é o mesmo que consertar um eletrodoméstico? Será que basta trocar alguma peça e tudo está resolvido? Se alguém te dizer que sim, desconfie…

Com as técnicas de Hipnose e Regressão se reduz muito o tempo de solução, porem sempre me baseio em estimativas, nada é muito exato em nossa mente.

É necessário que haja um entendimento maior sobre a questão. Por exemplo: o que é ser feliz para esta pessoa? Na resposta a esta pergunta haverá uma série de outras perguntas que surgirão. Afinal o que importa: Ir rápido para qualquer direção, ou estudar as possibilidades e andar no caminho certo?

Pode ser que você conheça alguma pessoa que te disse algo similar ao caso acima. Pode ser que até você tenha a aconselhado como exemplifiquei. Infelizmente o fato é que a maioria das pessoas continuam neste estado de catalepsia, sem movimento, sem direção…

As técnicas de regressão, hipnose e PNL podem sim ajudar a estas pessoas. Comente sobre esta possibilidade com elas.

Fraterno Abraço,

Murillo Cucatto

multiplas personalidades

Terapia de Regressão e Psicologia Combinam?

Olá, hoje eu quero falar um pouco sobre uma pergunta que surge muito em palestras e conversas que tenho com psicólogas: O Conselho permite o Psicólogo fazer Regressão?

Logicamente não posso responder pelo CFP ou CRP, mas aqui vão alguns esclarecimentos que se podem ser úteis, caso você seja um profissional desta área e tenha as mesmas dúvidas.

As técnicas de Terapia Regressiva se baseiam em dois princípios para que possa ter sucesso: 1) Obter um Estado Ampliado de Consciência (EAC) e utilizar registros de memória do passado para que haja compreensão das situações que acontecem hoje na vida do paciente.

Em linhas gerais, o EAC é obtido por técnicas de indução hipnótica. Sendo assim, esta técnica é amparada pela resolução 013/2000 do CFP, datada de 20 de dezembro de 2000 e que aprova e regulamenta o uso do recurso da hipnose na profissão.

Desta forma, fica esclarecido que a Hipnose é reconhecida cientificamente pelo CFP.

E a Regressão?

Vamos começar pela definição. O que é Regressão? Regressão nada mais é que se recordar de um fato ocorrido no momento pretérito. Isto significa que se contarmos algo que aconteceu a cinco minutos estamos a fazer uma regressão.

Todas as formas de psicoterapia utilizam-se de alguma forma de informações da vida da pessoa, isto se faz necessário para que se conheçam os fatos que possam ter alavancado a situação em que a pessoa se encontre nos dias de hoje. Afinal somos o que somos por ter tido um passado, uma referência que nos trouxe para o momento presente e nos ensinou a sermos o que somos.

As técnicas de hipnose propiciam a possibilidade de acessar registros de memória que não podemos fazem em estado de vigília (Hipermnésia) e que se tornariam quase impossíveis de se recuperar através de métodos tradicionais e encontrar as respostas.

Porém outra pergunta surge. Mas o Conselho não aceita a terapia de vidas passadas. E agora?

Isto é verdade, mas dependerá de como for abordada e utilizada a técnica de terapias regressivas.

Por experiência, mais de 95% das regressões que conduzi possuem causas na infância, sendo um número considerável durante a vida intrauterina até os 4 anos de idade.

Surgem então os casos de vidas passadas durante a regressão, mesmo que o terapeuta não o solicite, e o que fazer?

Apesar de eu acreditar em reencarnação eu também entendo que muitos casos podem acontecer por simbologia, ou seja, através de mensagens em forma de metáfora que nossa mente pode nos trazer.

O fato de a maior parte das pessoas que acessam vidas-passadas terem esta crença, pode explicar estes eventos.

Outro fato também é que existem fatores de múltiplas personalidades ou pseudo-personalidades que podem estar envolvidas neste psicodrama e isto deve ser utilizado a favor da terapia. Pode-se chamar este psicodrama de vivências passadas, pela simples razão de existirem interna-mente no subconsciente da pessoa.

Tendo-se como regra a não solicitação por parte do terapeuta para acessar outras vidas a questão com os conselhos está resolvida e desta forma a Psicóloga(o) pode agregar mais uma poderosa técnica em seu arsenal terapêutico.

Sempre digo que o mais importante não é a crença do terapeuta e sim a crença do paciente. Quando se utiliza a Crença dele o resultado terapêutico se amplia.

Use!

Murillo Cucatto

P.S. Quer Conhecer a Formação em Terapia Regressiva? CLIQUE AQUI!

 

duvidas

Regressão, para que serve isso mesmo?

Olá, nos últimos dias escutei muitos absurdos sobre Regressão e Hipnose e este foi um dos motivos que me fizeram escrever este artigo.

Apesar de trabalhar há muito tempos com técnicas de regressão e de hipnose, além da PNL, tenho que confessar que, apesar de tantas entrevistas, vídeos e matérias que existem na internet e nos meios de comunicação sobre o assunto, ainda percebo uma certa ausência de entendimento sobre tudo isto.

Quero crer que a maior parte das vezes existem influências religiosas e ceticismo devido a quantidade de mentiras que são propagadas na internet.

Cientificamente a hipnose já é aceita, incluindo os conselhos profissionais de medicina, odontologia, psicologia e tantos outros. A regressão sempre foi considerada pela psicologia como uma técnica. Temos que lembrar que em uma psicoterapia uma das fazes é buscar informações da história pessoal, desde a infância. Isto, com certeza, é uma regressão.

Porém sabemos como nossa memória é curta, e também sabemos o quanto ela tenta nos proteger escondendo fatos traumáticos de nosso passado, como se os sintomas não fossem persistir.

A diferença entre uma sessão analítica e de Regressão, consiste no fato de estimular o subconsciente a localizar diretamente a memória que dispara todos os sintomas que nos limitam. Diferente de achar uma agulha num palheiro, pois nossa mente subconsciente sabe o exato momento que tudo começou.

Tudo isto só é possível graças a técnicas que ampliam nossa consciência, ou seja, alteram nossa frequência cerebral e por isso chama-se “Estado Alterado de Consciência” (EAC) ou transe hipnótico.

E para que fazer regressão?

Se você tem algo que te incomoda é normal que queira saber como se livrar disso, se é um ser humano e, portanto, racional, irá querer saber o que causou este problema, e vem a pergunta: “Porque isto está acontecendo comigo”?

Se algo causou certamente o fato está no passado, que pode ter sido ontem ou há muito tempo. Nada mais justo que buscarmos em nossa memória o fato causador. Neste momento surge a Regressão.

Quando falo algo que te incomoda, refiro-me a: problemas de relacionamento (pessoal, profissional e amoroso), comportamentos indesejados, ansiedade, depressão, dores e doenças psicossomáticas (sem diagnóstico definido), e muito mais.

Se você se identificou com algo no texto, ou conhece alguém que possa ser beneficiado por esta técnica, compartilhe e converse com esta pessoa. Procure um profissional habilitado e certamente o futuro será melhor vivido e o passado será levado somente como um aprendizado importante.

Agora, quando você ler ou ouvir algo sobre Regressão e Hipnose, poderá afirmar que se tratam de técnicas reconhecidas no meio científico e não apenas mentiras e fantasias.

Fraterno Abraço,

Murillo Cucatto